FADESP e SECULT apresentam ao governo do Estado as duas propostas finalistas de concurso nacional para a escolha do projeto arquitetônico do Parque da Cidade.

FADESP e SECULT apresentam ao governo do Estado as duas propostas finalistas de concurso nacional para a escolha do projeto arquitetônico do Parque da Cidade.

Na tarde da segunda-feira (13), equipes da Secretaria de Estado de Cultura (Secult) e da Fundação de Amparo e Desenvolvimento da Pesquisa (Fadesp) apresentaram ao governador Helder Barbalho as duas propostas finalistas de estudo preliminar para o Projeto de Arquitetura e Urbanismo do Parque da Cidade, que será instalado no espaço do aeroporto Brigadeiro Protásio, em Belém. A apresentação ocorreu no Palácio do Governo, com a presença do vice-governador Lúcio Vale, da secretária de Estado de Cultura, Ursula Vidal, do conselheiro Nelson Chaves, do vice-prefeito de Belém, Orlando Reis, do diretor de Patrimônio da Secult, José Hélder, e do coordenador do concurso, o arquiteto José Julio Lima, da Fadesp. 

O certame, que recebeu mais de 80 inscrições de escritórios de arquitetura de vários estados, teve 23 propostas que passaram pelo crivo do júri técnico. Todos os projetos foram avaliados com base no edital.

“É importante destacar a alta qualidade das concepções projetuais de arquitetura, urbanismo e paisagismo. Temos a certeza de que a proposta vencedora irá proporcionar um projeto com resultado de meticuloso estudo urbanístico e qualidade arquitetônica, que valoriza a flora amazônica”, pontua o arquiteto José Julio Lima.

O governador Helder Barbalho destacou a iniciativa como o maior projeto paisagístico-urbano dos últimos 100 anos. “Estamos diante de uma oportunidade de criar um cartão de visitas, que é único, um portal de entrada para quem mora aqui e quem vier visitar. Além disso, a participação da população é de fundamental importância”, ressaltou. 
 
“O Parque da Cidade vai impactar Belém de uma maneira irreversível. Ele será um marco, um avanço da cidade, que ganhará um ambiente plural para manifestações culturais, práticas esportivas e de lazer integradas com a natureza. Apresentar hoje as propostas finalistas do certame é metade do dever cumprido para a Secult. Nós tivemos a participação popular na fase inicial, agora a participação de arquitetos e técnicos de todo o país, empenhados nesse desafio, e seguimos com grande expectativa para a próxima fase em que o público vai escolher seu espaço de forma democrática”, considera Ursula Vidal, secretária de Estado de Cultura. 

Propostas – Foram selecionadas as propostas 1787 (Nicolas André Mesquita Cerino Carrillo Le Roux, Paula Lemos e Luis Rossi) e 1808 (Carlos Eduardo Murgel Muller, Marcos Bresser Pereira Epperlein, Thiago Santana Maurelio, Eduardo Saguas Muller, Guilherme Henrique Machado Faganello e Vitor Martins – estudante).

O resultado com as propostas finalistas será divulgado no site www.parquecidade.com, nesta terça-feira (14). A escolha da proposta vencedora será feita pelo público, a partir do dia 20, no site do certame.

Texto e foto: Agência Pará